PISADA SUPINADA

Na PISADA SUPINADA, o eixo de apoio fica lateralizado, como na figura abaixo que mostra o vetor de carga no pé. Muitas vezes a pessoa que tem a pisada supinada pisa mais na borda lateral dos pés e os sapatos desgastam mais na parte lateral. O arco do pé normalmente é mais alto (PÉS CAVOS).

A deformação pode variar, sendo de uma pisada levemente para fora a até muito torta, como as figuras abaixo.

Este é um pé cavo clássico, em que os dedos são em garra (muito dobrados) e o arco muito alto. Quando visto por trás, normalmente se desvia todo para fora e faz a pessoa virar o tornozelo com freqüência.

Esta figura acima mostra o pé esquerdo com uma boa pisada e o direito com desvio lateral acentuado e o arco muito elevado.
Uma das causas mais freqüentes de pés cavos é a doença de Charcot-Marie-Tooth que é uma doença neurológica, que leva a neuropatia dos nervos periféricos que inervam principalmente os músculos laterais dos tornozelos e o tibial anterior, que é o músculo principal para puxar o pé para trás (levantar o pé quando se está andando), além de levar a deformidades dos dedos dos pés (dedos em garra). Normalmente é de caráter genético mas pode apresentar-se como mutação de gen isolado.
Esta deformidade,  além de desgastar muito os sapatos lateralmente, cria também uma sobrecarga grande na parte lateral do pé e de toda a perna, dando dor na lateral do pé, do tornozelo, do joelho e até mesmo do quadril. Na lateral do tornozelo existem dois tendões (tendões fibulares) que a longo prazo acabam se lesando por serem sobrecarregados na pisada. Os ligamentos laterais também estão predispostos a ruptura pela pisada lateralizada.
Além dos ligamentos e tendões citados, o tendão de Aquiles também é muito sobrecarregado por esta pisada torta. Há uma tendência a sobrecarga maior também no tendão de Aquiles no pé supinado (PRINCIPALMENTE NOS CORREDORES E NOS ESPORTES TIPO FUTEBOL, VÔLEI, BASQUETE, ...) e  está predisposto a degeneração e ruptura. A correção da pisada com palmilhas e ás vezes até com cirurgia, nas deformidades muito acentuadas, é importante para prevenção das lesões e dor.


É comum também a associação com joelhos arqueados para fora (geno-varo). Os joelhos arqueados dão dor frequentemente na região interna dos joelhos e também na borda lateral (frequentemente os corredores e quem pedala muito tem dor na lateral que se chama fricção da banda iliotibial que é uma tendinite lateral no joelho).

PRODUTOS PÉ LIGHT ADEQUADOS

Palmilha I10 - Palmilha inteira com cunha lateral para correção de pés cavos (pés arqueados, de quem pisa para fora); (palmilha em poliuretano, com sistema de amortecimento para os calcanhares e proteção dos antepés (parte anterior dos pés) – cunha valgizante lateral (cunha na lateral das palmilhas que jogam os pés e joelhos para dentro) nos calcâneos para correção de varo dos calcâneos (= calcanhares virados para fora, de quem pisa mais na borda externa dos pés) e joelhos. IDEAL PARA CORREÇÃO DA PISADA SUPINADA (PÉS COM VARISMO DE CALCÂNEO E VARO DOS JOELHOS – pés e joelhos arqueados para fora) – tamanhos: P, M, G (36 a 44); confeccionados em poliuretano injetado.

 
 

 

PALMILHAS I10 – R$ 120,00 O PAR

Palmilha C10 - Palmilha social com cunha lateral para correção de pés cavos; (meia palmilha em cunha valgizante (elevação maior na borda lateral das palmilhas), para adaptação em calçados sociais, masculinos e femininos (tamanhos P – de 34 a 39 e G – 40 a 45) – confeccionadas em poliuretano injetado – IDEAL PARA CORREÇÃO DA PISADA SUPINADA (PÉS COM VARISMO DE CALCÂNEO (pisada para fora) E VARO DOS JOELHOS (arqueados para fora) – SOLUÇÃO IDEAL PARA CALÇADOS SOCIAIS MAS TAMBÉM PARA ESPORTIVOS) – podem ser recortadas para a boa adaptação e possuem adesivo dupla face para facilitar a adaptação em qualquer calçado.

 

PALMILHAS C10 – R$ 70,00 O PAR

 

PARA COMPRAR OS PRODUTOS, FAÇA SEU PEDIDO EM:  PEDIDOS ON LINE, que entraremos em contato.